Toda a informação relacionada com a freguesia de Fajões; AGENDA: 29/01 - S. Roque - Fajões (15.00 horas)// TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS SEUS AUTORES

sábado, outubro 01, 2005

para aqueles que acompanhavam o G.D.F. no passado...

Lembro-me quando ia ao futebol ao domingo a tarde, a família Pai, Mãe e Irmã. A mãe ficava no carro a fazer tricot até porque não era do mesmo clube apesar de não ligar a bola, mas mesmo assim volta não volta ainda se tentava que entrasse sem pagar, mas como NOS QUANDO ERAMOS PUTOS NÃO PAGAVAMOS, eu e a mana íamos todos contentes ao futebol... tinha-se de por a mão a frente da cabeça por causa do sol, se houvesse dinheiro comprava-se daqueles chapéus de papel antiguinhos que tanto jeito davam! Chateava-mos o velho para comprar aquelas sandes embrulhadas em plástico mas que tão bem sabiam. Ainda nos aguentávamos um bom bocado, como putos que éramos não conseguíamos estar muito tempo quietos a ver a bola e queríamos era correr pelas bancadas, mas como tínhamos rédia curta ate víamos o jogo. as pessoas na bancada riam-se discutiam já víamos por la alguns "malucos" q viam a bola diferente dos outros e que logo comecei por admirar. era diferente, o espírito era outro, procurava-se saber o resultado dos outros pela rádio e era grande a algazarra quando alguém marcava ao clube rival. Os estádios tinham outra vida as pessoas outro espírito, acima de tudo o futebol e o bilhete era mais puro, mais simples e muito mais barato e acessível. Quem corria mais ganhava, quem jogava mais ganhava, a camisola tinha peso e so quem era bom é que a envergava só pela camisola e não pelo "ouro", não pelo negócio, não pelos empresários. Bons e saudosos tempos, que põem um sorriso na boca de quem os recorda. Não ao futebol moderno!

Texto retirado de:

  • Blog Velho Estilo

  • 0 Comentários:

    Enviar um comentário

    Links to this post:

    Criar uma hiperligação

    << Home