Toda a informação relacionada com a freguesia de Fajões; AGENDA: 29/01 - S. Roque - Fajões (15.00 horas)// TODOS OS COMENTÁRIOS SÃO DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS SEUS AUTORES

segunda-feira, fevereiro 20, 2006

Ainda a Assembleia dos B.V.F. - As fotos da discórdia

A proposta apresentada pelo vice-presidente do conselho fiscal, Manuel Rui Pinho, à direcção e aprovada por esta, propõe que as fotos, uniformes no tamanho e na forma, dos ex-comandantes sejam afixadas na secretaria do comando, enquanto as dos ex-presidentes de direcção e dos órgãos sociais vão para a sala de reuniões.

Dignificar o salão nobre
A proposta ratificava ainda a permanência no salão nobre das fotos de Arlindo Leite da Silva, Dr.ª Leonilda Aurora da Silva Matos, Maria de Lourdes Silva e Augusto Pais, enquanto as dos ex-comandantes e do ex-presidente da direcção, Manuel Machado, fossem retiradas daquele local. Finalmente, a proposta aponta para que, no futuro, a colocação de fotos no salão nobre seja fundamentada pela direcção e sujeita a ratificação da assembleia geral.
Esta proposta mereceu bastante discussão, o que levou o presidente da mesa, após a votação da proposta, já no final dos trabalhos, aprovada por 30 votos a favor, cinco contra e três abstenções, a pedir que o resultado "não constitua motivo de crispação".
O autor da proposta, Manuel Rui Pinho, explicou que, até aqui, naquela sala, "estava tudo misturado, desde fotos de comandantes, presidentes de direcção e beneméritos que contribuíram para o crescimento desta casa. O salão nobre merece ser dignificado, não pode ser abandalhado", justificou.

Proposta não respeita decisões
O primeiro a comentar a proposta foi exactamente o ex-presidente Manuel Machado, um dos visados pelo novo reajustamento. Para este associado, para além de nobre, aquele espaço é "de reconhecimento e mérito". Apresentando-se, não como um rival do presidente da direcção, mas como um associado atento e interessado, Manuel Machado deixou claro que tinha "a consciência tranquila, porque, nos Bombeiros de Mogadouro e nos de Fajões, servi com todo o meu empenho, nunca pensando em distinções".
No entanto, para Manuel Machado a proposta "falta ao respeito a decisões de direcções anteriores, um acto inédito nesta casa", acrescentando que "é capaz de abrir um precedente grave para o futuro". Por isso, o orador garantiu que não apoiaria a proposta, "que pode fazer perigar a estabilidade futura".
As últimas palavras do autor da proposta, nomeadamente a palavra abandalhar, mereceram um protesto de Carlota Machado, que fez notar que "tão nobre é aquele que dá dinheiro, porque a vida lhe sorriu, como aqueles dão parte da sua vida ao serviço de uma associação2.

"Não encontro justificação"
Ainda contra a proposta, Orlando Pina afirmou que não via razão para a retirada das fotos e esclareceu que a colocação da foto do ex-presidente Manuel Machado está prevista nos estatutos. Este membro da direcção anterior foi mais longe e contestou a retirada de dois carros desactivados, um do posto de combustíveis e outro do jardim, "que identificavam a Associação. "Não encontro justificação, mas há um mal-estar entre estes elementos e as direcções dos dois mandatos anteriores", salientou Orlando Pina, para quem ?com esta proposta não se está a prestar um bom serviço à Associação".
O orador foi mais longe e acrescentou que "em três anos pusemos cá quatro carros novos e deixamos uma disponibilidade financeira de largos milhares de euros", sugerindo aos proponentes que "façam uma análise bem ponderada da situação".
Alcides Queirós acusou a actual direcção de estar "a tentar apagar o percurso digno de uma direcção que trabalhou muito, a começar pelo telhado, passou pelo ferro de engomar, máquina de lavar e acabou no poço". De acordo com o membro da direcção anterior, "não é preciso estar muito tempo, é preciso trabalhar com dedicação e isenção", acrescentando que em 31 de Dezembro de 2004 "esta direcção tinha 80.400,00 euros e quatro carros novos. Fomos incansáveis, pelo que apagar o passado é a palavra mais correcta". Fazendo o elogio do seu presidente Manuel Machado, Alcides Queirós referiu que "foi rigorosíssimo, aprendi muito com ele". Antes de sair, Alcides Queirós apresentou uma contraproposta, que acabaria por sair derrotada por força da votação da da direcção, defendendo a recolocação no salão nobre das fotos retiradas

Empolar a situação
A favor da proposta, Fernando Pais considerou que estava-se a "empolar uma situação que não tem razão de ser, porque a proposta não põe em causa o mérito de Manuel Machado, não faz o julgamento da direcção anterior, nem apaga a memória. O objectivo é só reorganizar e estabelecer um critério definido para que as fotos estejam no lugar devido".
O orador reconheceu o mérito de Manuel Machado e fez notar que a proposta, aprovada pelo presidente da direcção e pelo comando, diz que "a sua foto não deve ser colocada no salão nobre mas no da direcção. O salão nobre é para reconhecer pessoas beneméritas ou que manifestaram denodo ao serviço da Associação, não é para criar clivagens".
No mesmo sentido opinou o autor da proposta. "Não é para apagar a memória e desvirtuar o trabalho de quem quer que seja. A partir de agora o mérito será reconhecido pelos associados em assembleia geral". Quanto à retirada dos carros, Manuel Rui Pinho justificou-a com o facto do jardim estar a ser regado três vezes ao dia, prejudicando a viatura. "Brevemente haverá um espaço próprio onde aqueles carros terão direito à dignidade que merecem, porque fazem parte da nossa história", acrescentou.
O ex-presidente voltou à tribuna para defender que "todos os quadros que estão no salão nobre têm legitimidade para tal. Com esta proposta, está-se a atribuir eficácia retroactiva às decisões tomadas anteriormente". Carlota Machado sugeriu que, então, aquele espaço passe a denominar-se salão nobre e de mérito.


Ligações e créditos:
  • Correio de Azeméis
  • 2 Comentários:

    At 28/2/06 5:18 da manhã, Anonymous Anónimo said...

    OLA

    NAO ACHAM FAJOENSES QUE O B.V.F. ESTAO TB A FICAR COMO A POLITICA DE FAJOES UMA ANEDOTA?????

    GANHEI VERGONHA POR ESTAR A DIVIDIR OS FAJOENSES TB NOS B.V.F. AINDA POR CIMA POR UM MOTIVO MESQUINHO ????? QUAL E A FOTO QUE DEVE FICAR ALI OU NOUTRO SITIO QUALQUER. GANHEI VERGONHAAAAAA.

    DE UMA COISA TEM RAZAO O . S MANUEL MACHADO , TANTO E O BENEMERITO, QUEM DA CONTRIBUICOES COMO QUEM DA A TRABALHO ATE POR VEZES A PROPRIA VIDA PELOS OS BOMBEIROS.

    ESPERO UM DIA IR VISITAR OS B.V.F. E VER ESSAS FOTOS COMO AQUELAS FOTOS DOS BOMBEIROS QUE POR VAROS MOTIVOS JA DEIXARAM A TERRA DOS VIVOS. E QUE TANTO TRABALHARAM PARA OS BOMBEIROS?

     
    At 2/3/06 9:32 da tarde, Blogger Manuel Alcides said...

    Não concordo com o que foi escrito pelo "anonymous"! Pelo que conheço, assuntos de política ficam fora dos B.V.F., ao ponto de comandante e outros superiores serem aconselhados a não se envolverem de forma activa na política de Fajões. Sobre a proposta do Sr. Manuel Rui Pinho, sou apoiante, até porque era uma proposta para ser votada, o que em democracia me parece muito correcto.

     

    Enviar um comentário

    Links to this post:

    Criar uma hiperligação

    << Home